You are not almost there…

You are not almost there…

Só o tempo cura tudo, mas há coisas que demoram mais tempo a curar do que outras, e há outras coisas que não demorando tanto tempo parece que demoram uma eternidade a passar.

Um tornozelo ou um ligamento fora do sitio e os dias, que já são semanas, de recuperação parecem anos para não dizer séculos. Falta só um bocadinho, um danoninho pequenino, mas é o suficiente para adiar quilómetros e quilómetros de treino, mandar para o lixo ritmos já adquiridos, e exasperar com todos os contratempos que me fazem falhar aquilo que iria ser a forma de subsistir com alguma dignidade aos 115 Km do Madeira Island Ultra Trail.

Haja paciência e tentemos manter a moral em alta, já que o físico anda lá mais para baixo.

Faltam 23 dias para a partida e este desafio não se afigura nada fácil. “You are not almost there” é a placa que poderia encontrar em qualquer ponto dos primeiros 95 Km do MIUT, mas é também a placa que paira na minha auto avaliação da preparação para esta prova.

Resta-me esperar e quem sabe já no Sábado poderei estar em condições de ir atrasar os pessoal no 8ºUltra Trail Serra de Sintra! Wish me luck 😉

Continuação de bons treinos e de boas provas!!!

Published byNuno Gião

Chamo-me Nuno Gião e sou um atleta de pelotão que gosta de correr longas distâncias. Se há uns anos atrás me tivessem dito que ia correr uma meia maratona eu chamaria louca a essa pessoa. Imaginem se me dissessem que em 2014 iria correr uma prova 100 Km… Actualmente corro Ultra Trails, participo em desafios de endurance na natureza e é sempre uma enorme satisfação que cruzo as mais fantásticas paisagens. Tento superar os diversos desafios a que me proponho. A vida é demasiado curta e bonita para ser desperdiçada sentado num sofá.

2 Comments

  • Filipe Torres

    18/03/2015 at 11:13 Responder

    Força nisso Nuno, boa recuperação! Ah, e boa sorte lá com os tubarões em SIntra eheh gostava muito de vos acompanhar.

Post a Comment

%d bloggers like this: