Pequeno-almoço para corredores

Pequeno-almoço para corredores

A corrida requer muita energia e, portanto, é muito importante para nós enquanto corredores começar o dia com um bom pequeno-almoço. Além disso há igualmente muitos estudos que indicam o pequeno-almoço como sendo a refeição mais importante do dia, o que releva ainda mais a necessidade deste.

Durante muito tempo o meu pequeno-almoço resumia-se a uma caneca de leite, mas com o passar do tempo e a continuidade dos treinos de corrida, o corpo queixava-se de que a caneca de leite não seria o suficiente.

Leitura aqui leitura ali, e concluí que um bom pequeno-almoço para corredores deve fornecer carboidratos complexos para fornecimento de energia sustentável, alguns açúcares simples para a libertação de energia rápida, algumas proteínas e algumas gorduras saudáveis. Cheguei assim a quatro novas opções para o meu pequeno-almoço:

Flocos de aveia

A aveia é um dos pequenos-almoços verdadeiramente intemporais para os corredores. Tem as quantidades correctas de complexos e carboidratos simples, gorduras e proteínas. Tem também um sabor muito agradável. Pessoalmente gosto de misturar com canela, limão, frutos secos e frutos silvestres ou morangos. A “minha” receita fica para um outro artigo.

Granola

A granola são basicamente flocos de aveia cozidos com um pouco de óleo. É uma receita criada em 1951 por Willie Pelzer, que queria descobrir uma maneira mais saborosa de comer os flocos de aveia. É considerado como um dos alimentos mais saudáveis disponíveis e, além da granola tradicional, existem centenas de variações com misturas de sementes e frutos à venda no mercado.

Torrada

A torrada é muito fácil e rápida de fazer. É uma óptima opção quando não temos tempo suficiente para preparar um pequeno-almoço mais demorado. O acompanhamento para a torrada fica à vossa descrição mas experimente comê-la com banana fatiada.

Chocolate quente

O chocolate para o leite mais “comercial”, que por norma tem bastante açúcar, deve ser de todo evitado. Devemos sim, misturar numa caneca de leite cerca de 30 gramas de cacau, ou de uma mistura com pelo menos 70% de cacau. Se acharem muito amargo pode-se sempre adicionar um pouco de açúcar, o que também providenciará uma energia extra. Aqui temos a gordura e proteína do leite para fornecer energia, o que proporciona também uma rápida recuperação após cada treino ou corrida.

Continuação de bons treinos e de boas corridas!!!

Published byNuno Gião

Chamo-me Nuno Gião e sou um atleta de pelotão que gosta de correr longas distâncias. Se há uns anos atrás me tivessem dito que ia correr uma meia maratona eu chamaria louca a essa pessoa. Imaginem se me dissessem que em 2014 iria correr uma prova 100 Km… Actualmente corro Ultra Trails, participo em desafios de endurance na natureza e é sempre uma enorme satisfação que cruzo as mais fantásticas paisagens. Tento superar os diversos desafios a que me proponho. A vida é demasiado curta e bonita para ser desperdiçada sentado num sofá.

No Comments

Post a Comment

%d bloggers like this: