O meu lugar

Há semanas assim, com dias fora de casa e longas horas de trabalho chato e aborrecido, fechado 8 ou mais horas numa qualquer sala a olhar para as letras miudinhas de um monitor de computador portátil. Parece que o mundo acaba, que nada faz sentido, que não há sol, que não há lua, que não