Só falta a água!

O troço do passeio marítimo Cruz Quebrada – Baía dos Golfinhos, que abriu no final do ano passado, foi uma obra polémica mas está de facto uma zona muito agradável para correr, andar de bicicleta ou simplesmente passear.

Este passeio marítimo que começa no túnel da Cruz Quebrada e vai até ao Forte de São Bruno/Baía dos Golfinhos (ou vice-versa) tem cerca de 2 quilómetros de extensão e uma largura ao longo de todo o percurso de uns bons 7 a 8 metros, permitindo a circulação de todas os transeuntes nas mais diversas actividades sem qualquer tipo de atropelo.

Faltam talvez um ou dois pontos de água, que tornariam este troço de verdadeira qualidade 5 estrelas.

Hoje o Kalorias Running foi até à Baía dos Golfinhos num ritmo tranquilo, como é apanágio do treino às segunda feiras, e tive de fazer algumas paragens para cumprimentar uma série de amigos dos treinos de estrada que já não via há algum tempo, o João “Canhão” Afonso, que estava a afinar as pernas para a maratona de Boston e o Mário que andava a passear o ser rebento.

Estes finais de tarde primaverais são excelentes para correr, e a luz do pôr do sol é fantástica na nossa Lisboa.

Na próxima 2ªfeira há novo treino por aqui. Apareçam 🙂

Continuação de bons treinos e de boas aventuras!!!

Nota: Já existe, (não sei se já existia antes, mas a existir nunca tinha dado por ele), um bebedouro junto à Baía dos Golfinhos 🙂

Subir até ao céu

Quase todos sabem que estar fechado numa sala a fazer exercício não é bem a minha onda.

Quem me rouba a natureza, o sol, a lua e as estrelas, o ar puro, os sons dos bichos, as brisas e as sombras, tira-me quase tudo. No entanto há motivos de força maior que pontualmente obrigam a trocar o ar livre pela sala do Kalorias. Foi assim o ano passado antes do MIUT e é assim agora antes dos 101 Peregrinos.

E a questão é exactamente a mesma: como correr sem correr, ou seja, como correr sem impacto nas articulações (no meu caso do tornozelo), mantendo à mesma o trabalho cardiovascular de intensidade e o trabalho muscular de pernas. A resposta que encontrei o ano passado antes do MIUT foi a maquineta de CrossRamp, que foi fundamental para manter o treino até à partida em Porto Moniz. Este ano vou repetir a lição que tão bem funcionou, até poder voltar a correr sem receios e esforço no tornozelo no meio do mato, mantendo assim a preparação em curso até à partida dos 101 Peregrinos.

A maquineta de CrossRamp é uma espécie de elíptica. Uma espécie não, é mesmo uma elíptica mas com uma configuração diferente, o tal crossramp, que permite uma inclinação entre 10 a 40 graus. Na prática mantemos o movimento elíptico como se estivéssemos a correr, mas com os pés fixos em pedais tipo skis, o que permite uma espécie de corrida em plano inclinado, sem qualquer impacto nas articulações.

Precor546

Como disse a inclinação pode variar entre os 10 e os 40 graus, e o nível de dificuldade pode ir de 1 a 20, mas não faço ideia a medida de resistência correspondem esses níveis. Sei que a partir do 17 já é muito difícil dar ao pedal, pelo que costumo treinar num nível entre o 12 e o 16, consoante o treino que tenho de fazer.

Trinta minutos de exercício com inclinação variável entre os 18 e os 40 graus equivale, no meu caso, a mais ou menos 5 km de distância, dependo da minha aplicação. Dependendo da inclinação os músculos que se trabalham neste exercício são os glúteos, quadríceps, isquiotibiais e gémeos, mantendo assim a boa forma das pernas para a corrida.

Esperam-me pelo menos duas semanas a dar no CrossRamp. Vão ser poças de suor no chão do Kalorias!

Comigo funcionou permitindo-me pelo menos manter uma forma aceitável antes do MIUT e espero que volte a resultar de novo.

Continuação de bons treinos e de boas aventuras!!!

__________

De hoje até Sábado dia 2 de Abril, podem vir experimentar à borlix as novas coreografias no Open Day do Kalorias de Linda-a-Velha.

Apareçam, tragam amigos e participem experimentem as Novas Coreografias. Aulas abertas a todos Sócios e Não Sócios.
ENTRADA GRATUITA, bastando inscreverem-se na recepção.
12819414_501015820085855_4608512512772719227_o
DIA 31 MARÇO
18h00 – Power Jump
19h05 – Body Pump
20h15 – Body Jam

DIA 1 ABRIL
18h25 – Grit
19h00 – Body Combat
20h00 – RPM

DIA 2 ABRIL
10h30 – Body Balance
11h40 – Body Attack
17h00 – Sh’Bam
18h00 – Zumba
19h10 – Body Step

Um Escadinhas e Subidinhas visto por dentro

Para quem nunca experimentou e tem alguma curiosidade em perceber como é um treino Escadinhas e Subidinhas, tem aqui um vídeo que ilustra relativamente bem o que se passou numa destas noites fantásticas, pelo menos no que diz respeito às Escadinhas, já que as Subidinhas ficarão para outro vídeo.

O próximo Escadinhas e Subidinhas é já no próximo dia 25, apareçam para subir umas escadas 😉

Continuação de bons treinos e de boas aventuras!!!

Mais Escadinhas

Enquanto uns continuam em grande efervescência emocional com o aproximar da hora da partida para os Abutres 2016, eu continuo a treinar em modo “slow” para daqui a umas semanas poder recomeçar a “treinar a sério” rumo ao UTMB.

Por falar em Abutres, relembro este artigo “Ainda os abutres…” que escrevi há um ano atrás, onde abordo o tema da hipotermia e onde sugiro alguns equipamentos que permitem mitigar este problema. Continua actual e quem sabe pode ser útil para a edição de 2016. Aproveito também para desejar boa sorte a todos os amigos que vão correr ao Abutres este fim de semana.

Há 15 dias atrás gostei tanto do Escadinhas e Subidinhas que ontem resolvi cruzar novamente Lisboa de ponta a ponta para repetir a experiência. Não foi tão fácil quanto o treino, mas consegui lá chegar mesmo à hora da partida, quando o João Campos já terminava o tradicional briefing pré-treino.

DSC00022

Como já sabia mais ou menos ao que ia, desta vez empenhei-me um pouco mais e aproveitei para fazer mais repetições nas subidas de escadas. O grupo era extenso, com cerca de 70 atletas, e propicio a puxar por mais uma repetição. Não sei quantos degraus subi mas sei que foram muitos, e as paisagens da nossa Lisboa são sempre deslumbrantes lá do topo. No final o treino “oficial” teve cerca de 15 Km, e eu lá terminei com pouco mais de 19 Km, um extra que as pernas agradeceram rumo aos futuros desafios.

Elapsed Time Moving Time Distance Average Speed Max Speed Elevation Gain
02:31:06 02:10:35 19.29 8.86 23.40 587.40
hours hours km km/h km/h meters

Continuação de bons treinos e de boas aventuras!!!

Escadinhas e Subidinhas

Já reposto da euforia de ontem com o resultado do sorteio do UTMB, vou regressar um dia atrás e ao Treino Escadinhas e Subidinhas promovido pelo meu amigo João Campos, treino que existe há mais de um ano mas ao qual fui pela primeira vez na passada Terça-Feira.

Este treino, tal como o nome indica, tem por base um treino de corrida que privilegia as subidas (em estrada) e as subidas (em escadas), e como não há escadas até ao céu, acabamos igualmente por treinar descidas. Na prática podemos reunir num só treino as vertentes de treino cardiovascular e de treino funcional. Os resultados vão sempre depender da aplicação de cada um.

O treino tem uma organização muito boa, a cargo do João e com a ajuda de outros elementos que ele identifica pouco antes do início do treino (neste foram o Joel e o Paulo Silva), e temos direito a um pequeno briefing onde são explicados os objectivos e as regras para o bom funcionamento do mesmo.

escadinhas e subidinhas2

O “Escadinhas e Subidinhas” acontece todas as segundas terças-feiras e quartas quintas-feiras de cada mês, às 20h00 na porta principal da Estação de Santa Apolónia. A partir daí o percurso apenas é conhecido pelos guias, podendo ser de +-12Km ou de +-16Km, sendo quase sempre garantida a subida de mais de 1600 degraus. Alfama, Mouraria, Intendente, Graça e Castelo são alguns dos Bairros Lisboetas por onde costuma decorrer este treino, um autentico carrossel por becos e ruelas dos mais típicos bairros da Capital.

O treino é aberto a todos, mas devido ao grau de dificuldade que poderá ter, recomenda-se que os participantes consigam correr normalmente pelo menos 10Km em mais ou menos 1 hora. Os mais aplicados podem sempre dar voltas extra nos troços de escadas, reagrupando-se o grupo todo no final desse exercício, o que permite não se perder nenhum participante, seja por ele ser mais rápido seja por ele ser mais lento.

No caso do treino de terça-feira o percurso foi anunciado como tendo pouco mais de 12 Km, mas com as voltas extra que fui dando, acabei o treino com quase 18 Km nas pernas.

Elapsed Time Moving Time Distance Average Speed Max Speed Elevation Gain
02:22:07 01:57:26 17.82 9.10 19.80 441.70
hours hours km km/h km/h meters

Gostei bastante do meu primeiro “Escadinhas e Subidinhas“, pelo que vou tentar conciliar os meus horários e ser uma presença mais regular neste fantástico treino.

Um obrigado ao João e restante crew pelos bons momentos de 3ªfeira.

O próximo “Escadinhas e Subidinhas” é já no dia 28. Porque a Vida Não é Só Corrida podem saber tudo sobre estes treinos e outras actividades, no sítio do João Campos clicando aqui.

__________

Se ainda não votaram no RunUltra Blogger Awards 2016 cliquem aqui e escolham o blog da vossa preferência, de preferência este Se for esse o caso, escolham o meu nome, sigam as instruções no final da página da votação e já está.

runultra2

Agradeço desde já a vossa participação. 😉

Wish me luck

Pessoalmente 2016 está a ser um ano especial e hoje a sorte no sorteio para o Ultra Trail Mont Blanc veio comprovar esta tendência.

A verdadeira aventura começa hoje e durará até 26 de Agosto. Vai ser necessário treinar muito bem, forte e feio, e ter alguma sorte para não surgir alguma indesejada lesão.

Bandeau_CP_2016_FR-e1449677309919

Depois, às 18h00 de 26 de Agosto, terá início a jornada de 170 Km, repleta de muita emoção, superação, introspecção e felicidade, enquanto subo e desço os Alpes cruzando três países: França, Itália e Suíça.

Hoje é o primeiro dia desta grande aventura.

UTMB_presentedby_Columbia_Logo

Wish me luck. 😉

2016 Um novo reinício

Um bom ano de 2016 para todos vocês!

O meu ano desportivo já começou e tem começado da melhor maneira. Treinos em ritmo suave e tranquilo, muito reforço muscular, e a preparar a máquina para daqui a umas semanas começar a treinar num ritmo mais forte e intenso. A agenda, no entanto, continua sempre preenchida.

Ontem foi dia de inaugurar mais um treino, o I Treino do Kalorias Runners, grupo dos sócios e amigos do Kalorias Club que para além do fitness também gostam de correr.

kaloriasrunners

Hoje é dia de participar no Trail Pirata do Amigos do Parque da Paz, mais uma cruzada pelos recantos de Almada e Cacilhas, com este excelente grupo de amigos.

app

Dia 31 vai haver o primeiro UTNSS do ano e a celebrar o 3ºaniversário da primeira edição. De certeza que este Trail Noctuno na Serra de Sintra será mais um excelente treino, mas infelizmente vou faltar. A primeira edição foi assim:

Faltarei por um outro bom motivo é claro, vou ajudar o meu amigo Pedro Trigueira no treino longo de preparação para a sua estreia na distância da Maratona. Sempre que posso gosto de ajudar os meus amigos a atingirem os seus objectivos, assim como outros já me ajudaram e continuam a ajudar a mim.

Continuação de bons treinos e de boas provas!!!